Postagens com tags Firula Filmes
Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo recebe mostra 'VERA CHYTILOVÁ: A GRANDE DAMA DO CINEMA TCHECO'

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL SÃO PAULO RECEBE A MOSTRA ‘VERA CHYTILOVÁ: A GRANDE DAMA DO CINEMA TCHECO’

Com curadoria de Rosa Monteiro, CCBB-SP exibe 20 longas e 6 curtas da diretora, de 24 de abril a 13 de maio, além de promover debates e masterclass com professores e críticos de cinema

O Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo realiza a mostra VERA CHYTILOVÁ: A GRANDE DAMA DO CINEMA TCHECO, de 24 de abril a 13 de maio. Serão exibidos 20 longas-metragens de ficção e não-ficção, a maioria inédita no Brasil, e 6 curtas, em duas sessões especiais. Com meia entrada em todas as sessões para clientes do Banco do Brasil, a programação conta, ainda, com debates e masterclass com profissionais convidados, além de sessões com acessibilidade (libras e audiodescrição) e gratuitas para alunos da rede pública de ensino. Antes de chegar ao CCBB São Paulo, a mostra passa pelo CCBB Brasília até 14 de abril, e depois pelo CCBB Rio de Janeiro, de 17 de abril a 6 de maio.

 

De acordo com a curadora da mostra, Rosa Monteiro, “essa é uma oportunidade única para o público conhecer a obra completa dessa consagrada diretora que, apesar do reconhecimento mundial e relevância artística, teve poucos filmes que chegaram ao Brasil”.

 

Entre os longas inéditos, destaque para ‘Armadilhas’, vencedor do prêmio Elvira Notari no Festival de Veneza de 1998, ‘O Chalé do Lobo’, que concorreu ao Urso de Ouro no Festival de Berlim de 1987 e ‘Fruto do Paraiso’, que foi exibido no Festival de Cannes em 1970.

 

A masterclass com a jornalista, professora e filmaker paulista, Joyce Pais, será realizada no dia 3 de maio (sexta-feira), às 19h. Já no sábado, 4 de maio, haverá debate sobre a obra da diretora, com a participação da curadora da mostra, Rosa Monteiro, de Joyce Pais e da jornalista e editora do site Mulher no Cinema, Luísa Pécora. Ambas as atividades são gratuitas e para participar é necessário retirar senha na bilheteria do cinema, uma hora antes.

 

Vera Chytilová foi uma revolucionária da cinematografia tcheca. O início de sua carreira foi durante o governo da União Soviética na Checoslováquia e o clima político teve forte impacto em seu trabalho. Seus filmes eram permeados por humor negro, crítica social e sátiras sobre o regime comunista, dando início ao que se chamou posteriormente de Nouvelle Vague Tcheca.

 

Quando a liberdade artística foi tolhida pelo governo, Vera foi uma das poucas a resistir e continuar produzindo em seu próprio país. O longa ‘Pequenas Margaridas’, de 1966, que poderá ser conferido na mostra VERA CHYTILOVÁ: A GRANDE DAMA DO CINEMA TCHECO, foi o que a tornou conhecida internacionalmente, ao fazer críticas ao regime comunista e à misoginia, temas que a acompanharam tornando-se marcas de seu trabalho.

 

Os filmes de Chytilová não dissociam a visão subjetiva (e subjetivista) da mulher moderna de uma objetividade crítica feminista. Suas personagens são prisioneiras das palavras dos homens, da linguagem e do julgamento masculinos - nesse sentido, seria uma cineasta antipatriarcal. Com o passar dos anos, suas produções se tornaram menos experimentais, mas nunca perderam as características subversivas e os elementos de paródia do estilo de vida e cotidiano da Checoslováquia. Até o fim de sua carreira, Vera lutou intensamente em sua tentativa de produzir arte dentro de um meio complexo e asfixiante de intensa censura, no qual mesmo os diretores homens mais respeitados do país sofriam. Ela resistia a rótulos e quando questionada sobre o feminismo dizia: “Eu era ousada o suficiente para querer liberdade absoluta - mesmo se isso fosse um erro”.

 

vera.jpg

SOBRE VERA CHYTILOVÁ

 

Vera Chytilová nasceu em 2 de fevereiro de 1929, em Ostrava, Tchecoslováquia (atualmente, República Checa). Depois de trabalhar como modelo, assistente de produção e claqueteira, foi aceita na renomada Academia Superior de Cinema de Praga, a FAMU, na qual veio a estudar com diretores como JIfi Menzel, Jan Nemec Ji e Milos Forman.

 

Seu primeiro filme que teve expressão internacional foi “Pequenas Margaridas” (1966), que criticava o governo comunista e a misoginia. Após a invasão da União Soviética passou a ser impossível para Chytilová encontrar trabalho e ela passou a dirigir comerciais sob o nome de seu marido, Jaroslav Kučera. Mesmo após esse hiato, sua produção prosseguiu até os anos 2000. Até o fim de sua carreira, Vera lutou intensamente em sua tentativa de produzir arte dentro de um meio complexo e asfixiante de intensa censura no qual mesmo os diretores homens mais respeitados do país sofriam.

 

LISTA DE FILMES

 

LONGAS-METRAGENS

(organizados em ordem alfabética)

 

ALGO DIFERENTE (O něčem jiném)

82 min, 1963, Tchecoslováquia, 35mm e Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Jirí Pokorný / roteiro: Věra Chytilová

Elenco principal: Vladimir Bosak, Eva Bosáková

Sinopse: Duas histórias, uma documental, outra ficcional, desenrolam-se em paralelo: os preparativos da ginasta Eva Bosáková para o seu último campeonato mundial e a dona de casa Vera, que assume todo o trabalho doméstico de seu lar. As pressões sofridas por Eva e a falta de reconhecimento na vida de Vera são colocadas lado a lado, assim como os dois mundos igualmente dominados pelos homens.

 

ARMADILHAS (Pasti, Pasti, Pastičky)

112 min, 1998, República Tcheca, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová, Tomás Hanák, Eva Kacírková, Michal Laznovsky

Elenco principal: Zuzana Stivínová, Miroslav Donutil, Tomás Hanák

Sinopse: Dois homens raptam e estupram uma jovem mulher para quem dão carona, sem saber que ela era uma veterana de guerra. Ela os droga e remove seus testículos. Drama que mescla momentos de humor absurdo com protestos políticos.

 

BANIDOS DO PARAÍSO (Vyhnání z Ráje)

125 min, 2001, República Tcheca, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Viktor Shwarcz / roteiro: Věra Chytilová, Bolek Polívka, Desmond Norris

Elenco principal: Bolek Polívka, Jan Antonín Pitínský, Milan Steindler

Sinopse: Nada parece dar certo para Rosta, um cineasta que está dirigindo um filme chamado "Paradiso" em uma praia nudista. Desde o primeiro dia de filmagem ele se encontra em situações de conflito com sua equipe, seu elenco e sua esposa. Comédia ousada que cita elementos do filme anterior de Chytilová, Frutos do Paraíso.

 

O BOBO DA CORTE E A RAINHA (Sasek a Kralóvna)

112 min, 1987, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Miroslav Smrcek / roteiro: Věra Chytilová, Bolek Polívka

Elenco principal: Bolek Polívka, Chantal Poullain, Jirí Kodet

Sinopse: O filme, uma sátira de elementos quixotescos, alterna entre personagens reais e os seus correspondentes fantasiosos: um morador de um pequeno vilarejo tcheco ajuda um casal alemão a procurar javalis selvagens, enquanto em uma narrativa paralela um bobo-da-corte entretém um rei alemão e sua esposa francesa.

 

CALAMIDADE (Kalamita)

96 min, 1981, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Bohumil Pokorný / roteiro: Věra Chytilová, Josef Silhavý

Elenco principal: Bolek Polívka, Dagmar Bláhová, Jana Synková

Sinopse: Tour de force sobre a vida cotidiana no final da Tchecoslováquia, realidade que Chytilová conhecia intimamente.  Calamidade também marca a primeira colaboração da diretora com o dramaturgo Bolek Polívka, que entraria em muitos dos seus filmes.

 

O CHALÉ DO LOBO (Vicl Bouda)

92 min, 1986, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová, Daniela Fischerová

Elenco principal: Miroslav Machácek, Tomás Palatý, Stepánka Cervenková

Sinopse: Ficção. A única incursão de Chytilová no terror adolescente tem também uma pitada de ficção científica. Um grupo de adolescentes faz uma viagem de esqui supervisionado por instrutores estranhos. Uma avalanche os isola do mundo e os suprimentos são limitados. Cruzamento peculiar entre filme de gênero, fábula e alegoria política.

 

CHYTILOVÁ VERSUS FORMAN (Chytilová Versus Forman)

84 min, 1981, Bélgica, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová

Elenco principal: Milos Forman

Sinopse: Documentário. Um combate intelectual entre dois artistas drasticamente distintos: um permanentemente inseguro, frustrado e que questiona tudo, outra uma surpreendente contadora de histórias perfeitamente em paz, pouco ligada à introspecção e confiante na intuição.

 

OS CIDADÃOS DE PRAGA ME ENTENDEM (Mí Pražané Mi rozumějí)

60 min, 1991, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Vera Lastuvkova / roteiro: Věra Chytilová, Zdenek Mahler

Elenco principal: Milan Steindler, Tereza Kucerová, Lenka Loubalová

Sinopse: Uma comédia maliciosa em que Chytilová relaciona o legado de Mozart com a arquitetura contemporânea de Praga, através de um relato ficcional da estadia do compositor na cidade. O filme nega qualquer verossimilhança ou relação com fatos históricos.

 

CONJUNTO HABITACIONAL (Panelstory aneb jak se Rodí Sídliště)

96 min, 1979, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Miroslav Smrcek / roteiro: Věra Chytilová, Eva Kacírková

Elenco principal: Lukás Bech, Antonín Vanha, Eva Kacírková

Sinopse: Em Praga, um senhor perambula por um conjunto habitacional mal sinalizado e ainda em construção, procurando o bloco para onde ele irá se mudar com a família de sua filha. O ancião oriundo do campo gosta de conversar, nada escapa de seus olhos e ele quer dar a todos uma ajuda.

 

FRUTO DO PARAÍSO (Ovoce stromu rajských jíme)

96 min, 1970, Tchecoslováquia / Bélgica, 35mm e Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Pavel Jurácek, Jaroslav Kucera, Bronka Ricquier / roteiro: Věra Chytilová, Ester Krumbachová

Elenco principal: Jitka Nováková, Karel Novak, Jan Schmid

Sinopse: Eva é uma jovem obcecada por um homem vestido de vermelho, que não se sabe quem é, o que faz, e se apresenta algum perigo. Até o dia em que Eva e seu namorado passam o dia em um spa surrealista, onde deparam-se com a Tentação. Fábula visual que recria de forma alegórica e psicodélica a história de Adão e Eva, é um filme cheio de sobreposições de cores, colagens e texturas.

 

A HERANÇA (Dedictví aneb Kurvahosigutntag)

120 min, 1992, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Jirí Jezek, Pavel Solc / roteiro: Věra Chytilová, Bolek Polívka

Elenco principal: Bolek Polívka, Miroslav Donutil, Anna Pantuckova

Sinopse: Um caipira herda milhões e vai para a cidade, deixando sua vila para ir viver como rico na República Tcheca pós-comunista. Colaboração entre Chytilová e Polívka, que co-escreveu o argumento e interpretou o protagonista, o filme é uma comédia politicamente incorreta e um registro impagável da transição da antiga Tchecoslováquia para o capitalismo selvagem, a busca por dinheiro fácil e alpinismo social.

 

JORNADA - UM RETRATO DE VERA CHYTILOVÁ  (Cesta - Portret Věra Chytilová)

54 min, 2004, República Tcheca, Blu-ray, 16 anos

Direção: Jasmina Bralic / produção: Kateřina Černá / roteiro: Jasmina Bralic

Sinopse: Documentário intimista sobre a cineasta Věra Chytilová. Dessa vez por trás das câmeras, ela fala sobre como chegou ao cinema, sua vida pessoal e sua carreira.

 

MOMENTOS AGRADÁVEIS (Hezké Chvilky bez Záruky)

113 min, 2006, República Tcheca, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Adam Polák / roteiro: Věra Chytilová

Elenco principal: Jana Janeková, Jana Krausová, Bolek Polívka

Sinopse: Apesar de ela própria estar à beira de um esgotamento nervoso, a psicóloga Hana atende um grupo de pacientes complexos. O última longa-metragem de Chytilová é uma tragicomédia humana e uma história de tormento diário.

 

AS PEQUENAS MARGARIDAS (Sedmikrásky)

73 min, 1966, Tchecoslováquia, 35mm e Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Karel Lier / roteiro: Věra Chytilová, Ester Krumbachová, Pavel Jurácek

Elenco principal: Ivana Karbanová, Jitka Cerhová, Marie Cesková

Sinopse: Duas garotas, ambas chamadas Marie, reconhecem que o mundo está corrompido e decidem embarcar em uma série de brincadeiras destrutivas que consomem e destroem o que está ao redor delas. Carro-chefe da Nouvelle Vague Tcheca, o filme é um exercício audiovisual extravagante, anarquista e dadaísta, com uma explosão de cores psicodélicas e símbolos do inconsciente. A diretora definiu o filme como “uma farsa filosófica feminista”.

 

PÉROLAS DAS PROFUNDEZAS (Perlicky na dne)

106 min, 1965, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Jiří Menzel, Jan Němec, Evald Schorm, Věra Chytilová, Jaromil Jireš / produção: Frantisek Sandr / roteiro: Jiří Menzel, Jan Němec, Evald Schorm, Věra Chytilová, Jaromil Jireš

Elenco principal: Pavla Marsálková, Ferdinand Kruta, Alois Vachek

Sinopse: Cinco curtas baseadas em cinco histórias de Bohumil Hrabal. O segmento de Chytilová, "Na Cafeteria do Mundo", talvez seja o mais sombrio e surreal. Dois acontecimentos têm lugar numa cantina ao mesmo tempo: uma mulher jovem morre enquanto se realiza um banquete de casamento.

 

PRAGA - O INCANSÁVEL CORAÇÃO DA EUROPA (Praha - neklidné srdce Evropy)

60 min, 1984, Tchecoslováquia / Itália, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová

Elenco principal: Miroslav Machácek

Sinopse: Este documentário autoral de Vera Chytilová tem o formato de um ensaio sobre uma cidade dos tempos antigos que adota um estilo de vida moderno. Os temas em foco são analisados através de uma divisão inusitada: paganismo, expansão do cristianismo, a renascença e o barroco são colocados lado a lado com suas ramificações e consequências na vida moderna de Praga.

 

PROCURANDO ESTER (Pátráni po Ester)

119 min, 2005, República Tcheca, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Vratislav Slajer / roteiro: Věra Chytilová

Elenco principal: Ester Krumbachová, Vera Chytilová, Ivan Balada

Sinopse: Ester Krumbachová colaborou com Chytilová nos seus projectos mais célebres, como Pequenas Margaridas, Fruto do Paraíso e A Tarde do Fauno, além de ter realizado um filme como diretora. Coração e alma da Nouvelle Vague Tcheca, Krumbachová sempre inspirou os que a rodeavam. Agora Chytilová se pergunta: quem era Ester?

 

TAINTED HORSEPLAY (Kopytem Sem, kopytem tam)

129 min, 1988, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Zbynek Hloch / roteiro: Věra Chytilová, Pavel Skapík

Elenco principal: Tomás Hanák, Milan Steindler, David Vávra

Sinopse: Para três amigos a vida é uma diversão sem fim. Conquistam garotas aos montes indo de festa em festa, até que descobrem que um deles é soropositivo. Primeiro filme do bloco do leste sobre AIDS, Tainted Horseplay é considerado um dos filmes do ciclo “mulherengo” de Chytilová.

 

TOMAS GARRIGUE MASARYK (TGM Osvoboditel)

61 min, 1990, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová

Elenco principal: Tomas Garrigue Masaryk

Sinopse: A vida de Tomáš Garrigue Masaryk, o primeiro presidente eleito da Tchecoslováquia depois da queda do império austro-húngaro em 1918. Material audiovisual de arquivos, fotos e dramatizações de sua infância tecem uma história intimamente ligada ao passado do país.

 

VÔOS E QUEDAS (Vzlety a Pády)

110 min, 2000, República Tcheca, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová

Elenco principal: Václav Chochola, Karel Ludwig, Zdenek Tmej

Sinopse: Documentário pouco conhecido  sobre a cultura oculta do mundo artístico tcheco da primeira metade do século XX. Um capítulo crucial da obra de de não-ficção de Chytilová sobre a Tchecoslováquia, dessa vez por meio das vidas de três fotógrafos tchecos: Václav Chochola, Karel Ludwig e Zdeněk Tmeje. Chytilová regressa aos locais de Pérolas das Profundezas, filme de sua juventude.

 

CURTAS-METRAGENS

(organizados por sessão)

 

Sessão Curtas 1

16 anos | 107 min. | Blu-ray

 

GREEN STREET (Zelená ulice)

9 min, 1960, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová

Sinopse: Um enorme comboio de mercadorias com 68 vagões, 140 eixos e 18 mil toneladas de carga sai de Praga. Um elaborado exercício de montagem feito a partir de imagens espetaculares.

 

MIADO (Kocicina)

11 min, 1960, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová, Jan Hartmann

Sinopse: Chytilová inspira-se nos escritos de Franz Kafka em um raro exemplo de adaptação literária em um de seus filmes. O Sr. K guarda jóias roubadas em casa e raramente deixa sua esposa usá-las. Um vizinho curioso, o Sr. B, faz uma visita de surpresa. Um gato observa tudo.

 

TETO (Strop)

42 min, 1961, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová, Pavel Jurácek

Sinopse: Aqui o foco de Chytilová é em uma modelo, alguém constantemente vestida e preparada para ser observada e analisada. Ao expor o crescente aborrecimento e desconforto físico de sua protagonista, a diretora explora também as nuances do controle masculino presente no universo da moda.

 

SACO DE PULGAS (Pytel blech)

45 min, 1962, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová

Sinopse: O filme mostra o dia-a-dia de um internato numa pequena e típica cidade na Tchecoslováquia socialista. Jana se rebela contra a estrutura rígida do instituto e é admirada por Eva, recém-chegada ao local.

 

Sessão Curtas 2

16 anos | 57 min. | Blu-ray

 

CAMARADA (Kamarádi)

41 min, 1971, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová

Elenco principal: Jirí Kodet, Jan Kanyza, Václav Knop

Sinopse: Chytilová foi proibida de realizar filmes durante 6 anos. A única exceção foi este filme, pouco conhecido pelo grande público e exibido em raras ocasiões. Produzido para a televisão, relata uma tensa história sobre três soldados e um disparo fatídico.

 

O TEMPO É INEXORÁVEL (Cas je neúprosný)

16 min, 1978, Tchecoslováquia, Blu-ray, 16 anos

Direção: Věra Chytilová / produção: Věra Chytilová / roteiro: Věra Chytilová

Sinopse: Chytilová trata as histórias de um grupo de idosos com o máximo respeito e tato e forja uma rica experiência, tão visual quanto visceral, através de técnicas de montagem intrincadas. Ao mesmo tempo, começa a dar forma à suas ruminações posteriores sobre idade e o sentido da vida.

PROGRAMAÇÃO

 

24/4 (quarta-feira)

17h30 - Sessão Curtas 1: Green Street, Miado, Teto e Saco de Pulgas

20h - Jornada - Um Retrato de Vera Chytilová

 

25/4 (quinta-feira)

15h30 - Pérolas das Profundezas

19h - Procurando Ester

 

26/4 (sexta-feira)

15h30 - Voos e Quedas

18h - Sessão Curtas 2: Camarada e O Tempo é Inexorável

19h30 - Chytilová versus Forman

 

27/4 (sábado)

17h – Armadilhas

19h30 - As Pequenas Margaridas

 

28/4 (domingo)

16h - Fruto do Paraíso

18h - Algo Diferente

 

29/4 (segunda-feira)

14h30 - Chytilová versus Forman

16h30 - O Bobo da Corte e a Rainha

19h - O Chalé do Lobo

 

1/5 (quarta-feira)

15h - Praga - O Incansável Coração da Europa

16h30 - Momentos Agradáveis 

19h - Conjunto Habitacional

 

2/5 (quinta-feira)

16h - Banidos do Paraíso

18h50 - Tainted Horseplay

 

3/5 (sexta-feira)

15h30 - Os Cidadãos de Praga me Entendem

17h - Algo Diferente

19h – Masterclass com Joyce Pais

 

4/5 (sábado)

15h – Calamidade

17h15 - As Pequenas Margaridas

19h - Debate com a curadora Rosa Monteiro, Joyce Pais e Luísa Pécora

 

5/5 (domingo)

13h40 - Sessão Curtas 1: Green Street, Miado, Teto e Saco de Pulgas

16h - Tomás Garrigue Masaryk

 

6/5 (segunda-feira)

13h30 - O Bobo da Corte e a Rainha

16h - A Herança

19h - O Chalé do Lobo

 

8/5 (quarta-feira)

15h30 - Voos e Quedas

17h45 - Os Cidadãos de Praga me Entendem

19h15 - Fruto do Paraíso

 

9/5 (quinta-feira)

16h - Banidos do Paraíso

18h50 - Tainted Horseplay

 

10/5 (sexta-feira)

15h30 - Praga - O Incansável Coração da Europa

17h - Tomás Garrigue Masaryk

19h30 - Sessão Curtas 2: Camarada e O Tempo é Inexorável

 

11/5 (sábado)

14h30 – Calamidade

16h30 - A Herança

19h - Momentos Agradáveis 

 

12/5 (domingo)

13h30 - Armadilhas

15h50 - Pérolas das Profundezas

18h - Conjunto Habitacional

 

13/5 (segunda-feira)

17h - Jornada - Um Retrato de Vera Chytilová 

19h - Procurando Ester

 

SERVIÇO

 

MOSTRA VERA CHYTILOVÁ – A GRANDE DAMA DO CINEMA TCHECO

Realização: Centro Cultural Banco do Brasil

Local: Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo – Cinema

Data: de 24 de abril a 13 de maio de 2019

Ingressos: R$10,00 inteira e R$5,00 meia (clientes Banco do Brasil pagam meia em todas as sessões)

Horários e classificação indicativa disponíveis no site:
http://culturabancodobrasil.com.br/portal/sao-paulo/

Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo
Rua Álvares Penteado, 112 – Centro, São Paulo -SP
(Acesso ao calçadão pela estação São Bento do Metrô)
(11) 3113-3651/3652 | Todos os dias, das 9h às 21h, exceto às terças.
ccbbsp@bb.com.br  | bb.com.br/cultura  | twitter.com/ccbb_sp  |
facebook.com/ccbbsp | instagram.com/ccbbsp
Acesso e facilidades para pessoas com deficiência | Ar-condicionado | Cafeteria e Restaurante | Loja

Estacionamento conveniado: Estapar - Rua Santo Amaro, 272 (R$ 15, necessário validar ticket na bilheteria). Traslado entre o estacionamento e o CCBB das 14h às 23h.

Mostra “ACORDE! O CINEMA DE SPIKE LEE” começa dia 7 de novembro no CCBB-SP

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL SÃO PAULO APRESENTA “ACORDE! O CINEMA DE SPIKE LEE”

Com 22 longas e quatro videoclipes, a mostra de cinema busca trazer os conceitos das produções de um dos cineastas mais importantes e urgentes do século XXI

CCBB São Paulo - 7 de novembro a 3 de dezembro de 2018
CCBB Rio de Janeiro - 7 de novembro a 26 de novembro
CCBB Brasília - 20 de novembro a 9 de dezembro


O CCBB São Paulo exibe, de 07 de novembro a 03 de dezembro de 2018, a mostra ACORDE! O CINEMA DE SPIKE LEE, que apresenta ao público um dos mais importantes e urgentes cineastas contemporâneos. Com um cinema extremamente atual e um discurso inclusivo, Spike Lee aborda em sua filmografia uma visão particular da diversidade racial urbana. A mostra exibirá um recorte de 22 filmes e quatro videoclipes que representam diferentes momentos da carreira do cineasta.

-’Acorde!’, essa expressão está presente em quase todos os filmes de Spike Lee. É um chamado para a ação, para a ruptura de um comportamento padronizado, geralmente declamado por um personagem secundário para o personagem central, frequentemente em uma visão subjetiva: o ator olha para a câmera e fala ‘Acorde!’ para a plateia do cinema. “Spike Lee quer que seu cinema faça o público acordar para a realidade que o cerca - comenta o curador Jaiê Saavedra.

A Mostra acontece no mês em que se comemora o Dia da Consciência Negra (20 de novembro) e oferece ao público um panorama da obra do mais atuante cineasta afro-americano, que conquistou este ano o Grande Prêmio do Júri e Menção Especial do Prêmio Júri Ecumênico no Festival de Cannes, e o Prêmio do Público no Festival de Locarno, com Infiltrado na Klan (estreia nacional prevista para 22 de novembro).

ACORDE! O CINEMA DE SPIKE LEE traz alguns dos títulos mais recentes do cineasta, porém pouco vistos nas salas de cinema brasileiras, e alguns de seus melhores trabalhos para a televisão, como os documentários Kobe Doin' Work (2009), filmado com 30 câmeras, e Michael Jackson's Journey from Motown to Off the Wall (2016). Michael Jackson também é a estrela de um dos videoclipes da mostra - They Don't Care About Us, gravado no Rio de Janeiro e em Salvador.  Quatro filmes clássicos serão exibidos em 35mm: Mais e melhores blues (1990), Febre da selva (1991), Malcolm X (1992) e A última noite (2002), que terão sessões inclusivas (com audiodescrição e close caption).

Ao demonstrar para Hollywood o potencial de um cinema negro junto ao público amplo, Spike Lee saiu da condição duplamente marginalizada de cineasta independente e negro, fazendo dos black films parte da grande indústria do cinema americano. Após o sucesso do seu primeiro lançamento comercial, a comédia Ela quer tudo (She’s Gotta Have It, 1986), que marcou também a estreia de Spike Lee como ator, ele abriu a sua produtora - 40 acres and a Mule Filmworks (o nome é inspirado em uma promessa não cumprida que políticos fizeram a escravos recém-liberados depois da Guerra Civil americana).

Um período de intensa criatividade veio a seguir, com filmes como Faça a coisa certa (1989), Mais e melhores blues (1990), Malcolm X (1992) e Febre na selva (1991), colocando o diretor entre os grandes nomes do cinema mundial. Surpreendentemente, mesmo tendo alcançado a condição de um cineasta mainstream, Spike Lee nunca deixou de considerar a si mesmo um cineasta negro e independente. Com A hora do show (2001), uma crítica feroz à forma como Hollywood e a TV dos Estados Unidos tratavam os negros, ele consolidou definitivamente a sua posição como um dos grandes realizadores do século. Lee já trabalhou com diversas estrelas e gosta de repetir no elenco de seus filmes nomes como Denzel Washington (que encarnou Malcolm X), John Turturro, Samuel L. Jackson e Michael Imperioli. Em 2016, Lee ganhou um Oscar Honorário, mas não foi à cerimônia para marcar sua posição em um momento em que se discutia a falta de indicações de pessoas negras ao prêmio.

Spike Lee também é, antes de tudo, um cineasta com incrível domínio técnico, grande sensibilidade na direção de atores e enorme respeito à palavra. Seus primeiros filmes já se tornaram clássicos do cinema que merecem ser (re)assistidos e novamente discutidos. Um raro exemplo de um diretor que conservou enorme vigor e ousadia através das décadas, transcendendo o título de representante de um cinema negro e se tornando um dos grandes de nossa época - completa Jaiê Saavedra.

A mostra ACORDE! O CINEMA DE SPIKE LEE contará com um debate com o curador, a pesquisadora Kênia Freitas e o crítico Bruno Galindo, que ainda vai ministrar uma aula sobre o cinema de Spike Lee, ambos gratuitos, com distribuição de senhas a partir de uma hora antes do início do evento.

Os visitantes que assistirem a cinco sessões de filmes ganharão um catálogo da mostra. A programação completa estará disponível no site bb.com.br/cultura.

FILMES

Joe's Bed-Stuy Barbershop: We Cut Heads
E.U.A / 1983 / 60 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Monty Ross, Donna Bailey, Stuart Smith
Sinopse: Zack Homer (Monty Ross) passa a administrar uma barbearia depois que Joe, o antigo dono, é assassinado. Tudo que ele quer é cortar cabelo de forma tradicional, mas sua clientela vem diminuindo cada vez mais. Quando as atividades criminais praticadas por Joe são oferecidas para serem levadas adiante por Zack, ele precisa tomar uma difícil decisão. Seus negócios poderiam melhorar, mas será que vale a pena?

Ela quer tudo (She’s Gotta Have It)
E.U.A / 1986 / 90 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Tracy Camilla Johns, Redmond Hicks, John Canada Terrell, Spike Lee e Raye Dowell
Sinopse: Nola Darling (Tracy Camilla Johns) é uma jovem do Brooklyn. Bem-sucedida e de bem com a vida, possui três namorados: Jamie Overstreet (Tommy Redmond Hicks), protetor, educado e sempre bem-intencionado; Greer Childs (John Canada Terrell), vaidoso, rico e arrogante; e Mars Blackmon (Spike Lee) um cômico e imaturo jovem. Nenhum é capaz de satisfazê-la inteiramente e ela não consegue decidir com qual ficar.

Lute pela coisa certa (School Daze)
E.U.A / 1988 / 120 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Laurence Fishburne, Giancarlo Esposito, Tisha Campbell-Martin, Kyme e Joe Seneca
Sinopse: Em Mission College, uma universidade de negros sulista, Vaughn Dunlap (Laurence Fishburne) é um aluno que se envolve com problemas estudantis e que direciona suas críticas para a atual administração, que considera insensível em relação a sérios problemas sociais. Vaughn é um ativista dedicado, enquanto Half-Pint (Spike Lee), seu primo mais jovem, gasta a maior parte de seu tempo tentando ingressar na fraternidade mais popular. Os dois tentam alcançar suas metas discrepantes enquanto vem à tona um conflito racial que divide a universidade entre os "Wannabees", os mais claros, e os "Jigaboos", os mais escuros.

Faça a coisa certa (Do the Right Thing)
E.U.A / 1989 / 120 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Danny Aiello, Ossie Davis, Ruby Dee, Richard Edson, Giancarlo Esposito, Spike Lee, Bill Nunn, John Turturro e John Savage
Sinopse: Sal (Danny Aiello), um ítalo-americano, é dono de uma pizzaria em Bedford- Stuyvesant, Brooklyn. Com predominância de negros e latinos, é uma das áreas mais pobres de Nova York. Ele comanda a pizzaria juntamente com seus filhos e seu empregado Mookie (Spike Lee). No dia mais quente do ano, Buggin' Out (Giancarlo Esposito), o ativista local, vai até lá para comer uma fatia de pizza e reclama por não existirem afro-americanos na "Parede da Fama" de Sal, uma seleção de fotografias de ídolos ítalo-americanos dos esportes e do cinema. Este incidente aparentemente trivial é um dos pontos de partida para um efeito dominó que não terminará bem.

Mais e melhores blues (Mo' Better Blues)
E.U.A / 1990 / 130 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Denzel Washington, Spike Lee, Wesley Snipes, Giancarlo Esposito, Robin Harris, Joie Lee, Bill Nunn, John Turturro, Dick Anthony Williams e Cynda Williams
Sinopse: Bleek Gilliam (Denzel Washington) sonhava desde criança em ser músico, mas sua mãe insistia para que ele não largasse os estudos. Já adulto, ele se torna um trompetista de sucesso e forma a sua própria banda de jazz. No entanto, sua rivalidade no palco com Shadow Henderson (Wesley Snipes) e seus problemas com mulheres levam Bleek a conhecer o fracasso.

Febre da selva (Jungle Fever)
E.U.A / 1991 / 121 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Wesley Snipes, Annabella Sciorra, Spike Lee, Ossie Davis, Ruby Dee, Samuel L. Jackson, Lonette McKee, John Turturro, Frank Vincent, Halle Berry e Anthony Quinn
Sinopse: Jovem e bem-sucedido arquiteto negro (Wesley Snipes) causa furor quando inicia um romance extra-conjugal com sua secretária branca (Annabella Sciorra), descendente de italianos. O caso se transforma no estopim para uma acirrada disputa entre membros das duas famílias, trazendo à tona questões levantadas pela barreira racial que se apresenta no relacionamento.

Malcolm X
E.U.A / 1992 / 202 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Denzel Washington, Angela Bassett, Albert Hall, Al Freeman Jr, Delroy Lindo e Spike Lee
Sinopse: A história real de Malcolm X, que durante sua adolescência descobriu o islamismo e teve seu pai assassinado por membros da Klu Klux Klan. Ele se torna um fervoroso religioso, criando um movimento de pacificação entre as raças. A luta pelos direitos dos negros tornou Malcolm X um dos mais importantes líderes afro-americanos da história. Indicado ao Oscar por Melhor Ator (Denzel Washington) e Melhor Figurino.

Crooklyn - Uma família de pernas pro ar (Crooklyn)
E.U.A / 1994 / 115 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Alfre Woodard, Delroy Lindo, Spike Lee e Zelda Harris
Sinopse: Nova York, anos 70. Em um cenário musical efervescente, Spike Lee nos traz a vibrante história da professora Carolyn Carmichael (Alfre Woodard), uma mãe carinhosa e preocupada, seu marido Woody (Delroy Lindo), músico de Jazz, e seus cinco filhos vivendo no agitado bairro do Brooklyn. Quando Woody perde seu emprego, uma crise começa a envolver sua família e seu casamento.

Irmãos de sangue (Clockers)
E.U.A / 1995 / 129 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Harvey Keitel, John Turturro, Delroy Lindo, Mekhi Phifer, Isaiah Washington, Keith David e Pee Wee Love
Sinopse: Strike (Mekhi Phiffer) é um ''passador'', um traficante de drogas que trabalha 24 horas por dia. Quando o chefe da droga local (Delroy Lindo) informa Strike sobre uma possibilidade de promoção, aparece um traficante rival morto. O investigador Mazilli (John Turturro) deseja uma apreensão fácil. O seu colega Rocco (Harvey Keitel) quer algo muito mais difícil de encontrar: a verdade.

Garota 6 (Girl 6)
E.U.A / 1996 / 100 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Theresa Randle, Isaiah Washington e Spike Lee
Sinopse: Uma jovem atriz (Theresa Randle) tenta fazer carreira em Nova York, mas quando o dinheiro e o trabalho se tornam escassos ela arruma um emprego em uma empresa de sexo por telefone. Ela sabe criar tão bem as fantasias dos seus clientes que logo é a garota que recebe mais ligações na firma. Inicialmente, ela é seduzida pelo dinheiro, mas a situação foge de seu controle.

Todos à Bordo (Get on the Bus)
E.U.A / 1996 / 120 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Richard Belzer, De'aundre Bonds, Andre Braugher, Thomas Jefferson Byrd.
Um grupo de pessoas que não se conhece toma o ônibus rumo a Washington, para participar da Marcha do Milhão. No caminho dividem dramas pessoais e políticos, enquanto vivem pequenos conflitos e momentos de amizade.

Jogada decisiva (He Got Game)
E.U.A / 1998 / 136 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Denzel Washington, Ray Allen e Milla Jovovich
Sinopse: Jake Shuttlesworth (Denzel Washington) está na prisão cumprindo pena por ter assassinado sua esposa, após uma violenta briga doméstica. Jesus (Ray Allen), seu filho, se tornou um excelente jogador de basquete, procurado por vários times profissionais para seguir a carreira. Mas ele se sente ofuscado por seu pai, que acaba recebendo liberdade condicional com uma condição: convencer o filho a assinar um contrato para jogar basquete pela universidade Big State.

O verão de Sam (Summer of Sam)
E.U.A / 1999 / 142 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: John Leguizamo, Adrien Brody, Mira Sorvino, Jennifer Esposito e Anthony LaPaglia
Sinopse: Verão de 1977. Junto com uma onda de calor, uma série de assassinatos tem início em Nova York. A comunidade fica aterrorizada com o serial killer, que se autodenomina "Filho de Sam". No contexto do surgimento do punk-rock, da revolução sexual e da era disco, a amizade de dois homens será testada: Vinny (John Leguizamo) e Ritchie (Adrian Brody).

The Original Kings of Comedy
E.U.A / 2000 / 115 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Steve Harvey, D. L. Hughley, Cedric the Entertainer e Bernie Mac
Sinopse: Um filme-espetáculo que apresenta quatro dos maiores comediantes americanos negros em ação: Bernie Mac, Cedric The Entertainer, Steve Harvey e D.L. Hughley. Spike Lee acompanha os quatro comediantes nos bastidores e em turnê.

A hora do show (Bamboozled)
E.U.A / 2000 / 135 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Damon Wayans, Savion Glover, Jada Pinkett Smith, Tommy Davidson e Michael Rapaport
Sinopse: Pierre Delacroix (Damon Wayans) é um escritor de séries de TV que não aguenta mais a tirania de seu chefe. Sendo o único empregado negro da companhia, Delacroix resolve propor uma ideia absurda: um programa de TV estrelado por dois mendigos negros que denunciariam o estereótipo e o preconceito contra o negro na televisão americana. Seu objetivo é ser demitido, mas o programa se torna um grande sucesso.

A Última Noite (25th Hour)
E.U.A / 2002 / 134 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Edward Norton, Philip Seymour Hoffman, Barry Pepper, Rosario Dawson, Anna Paquin e Brian Cox
Sinopse: Monty Brogan (Edward Norton) é um narcotraficante condenado a sete anos de prisão e tem apenas um único dia de liberdade antes de começar a cumprir sua pena. No seu último dia antes de ir para a cadeia, Monty encontra seus amigos de infância Jacob (Philip Seymour Hoffman) e Francis (Barry Pepper), além de sua namorada Naturelle (Rosario Dawson).

Elas me odeiam, mas me querem (She Hate Me)
E.U.A / 2004 / 138 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Anthony Mackie, Kerry Washington, Ellen Barkin, Monica Bellucci, Jim Brown, Jamel Debbouze, Brian Dennehy, Woody Harrelson, Bai Ling, Q-Tip, Dania Ramirez e John Turturro
Sinopse: Um alto executivo é demitido depois de denunciar operações fraudulentas da empresa. Quando sua ex-namorada, agora lésbica, oferece dinheiro para que ele a engravide, Jack (Anthony Mackie) inicia uma prazerosa e lucrativa nova profissão.

O plano perfeito (Inside Man)
E.U.A / 2006 / 130 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Denzel Washington, Clive Owen, Jodie Foster, Christopher Plummer, Willem Dafoe e Chiwetel Ejiofor
Sinopse: Um assalto no movimentado banco Manhattan Trust chama à ação os detetives Keith Frazier (Denzel Washington) e Bill Mitchell (Chiwetel Ejiofor). Eles têm a missão de fazer contato com o líder dos bandidos, Dalton Russell (Clive Owen). Os detetives, com o auxílio do capitão John Darius (Willem Dafoe), não contavam com a frieza e a inteligência de Russell, que parece estar sempre um passo à frente das ações da polícia.

Milagre em Santa Anna (Miracle at St. Anna)
E.U.A / 2008 / 156 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Derek Luke, Michael Ealy, Laz Alonso, Omar Benson Miller, Pierfrancesco Favino e Valentina Cervi
Sinopse: Região da Toscana, Itália, durante a II Guerra Mundial. Quatro soldados negros se perdem e um deles resolve arriscar sua própria vida para salvar um garoto italiano traumatizado pela guerra.

Kobe Doin' Work
E.U.A / 2009 / 84 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Kobe Bryant
Sinopse: Spike Lee e uma equipe com 30 câmeras captaram todo o dia 13 de março de 2008 do jogador de basquete Kobe Bryant, quando o camisa 24 anotaria 20 pontos na vitória do Lakers sobre o Spurs. Um documentário que mostra mais um dia de trabalho na vida de um dos esportistas mais conhecidos do mundo.

Verão em Red Hook (Red Hook Summer)
E.U.A / 2012 / 131 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Clarke Peters, Nate Parker, Thomas Jefferson Byrd, Toni Lysaith e Jules Brown
Sinopse: A visão do mundo de um jovem garoto (Jules Brown) de classe média de Atlanta muda radicalmente quando ele passa o verão com seu avô (Clarke Peters) profundamente religioso no complexo habitacional de Red Hook, no bairro do Brooklyn, em Nova York.

Oldboy – Dias de Vingança (Oldboy)
E.U.A / 2013 / 104 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Josh Brolin, Elizabeth Olsen, Sharlto Copley e Samuel L. Jackson
Sinopse:  Ducett (Josh Brolin) é um homem arrogante e irresponsável, que enfrenta problemas no trabalho e com a família. Um dia, ele acorda em um quarto, e descobre que foi trancado lá dentro. Pelos próximos 20 anos, Joe permanece em cativeiro, sem saber quem o sequestrou, ou as razões deste ato. Enquanto isso, ele descobre pela televisão que sua ex-esposa foi assassinada, e que ele é o principal suspeito. Um dia, Joe é liberado. Com a ajuda de uma assistente social (Elizabeth Olsen), ele terá apenas três dias para descobrir quem o prendeu e realizar sua vingança.

Michael Jackson's Journey from Motown to Off the Wall
E.U.A / 2016 / 110 minutos / 14 anos
Direção: Spike Lee
Elenco: Michael Jackson, Jackie Jackson, Marlon Jackson, Joe Jackson, Katherine Jackson, Pharrell Williams, Questlove, John Legend, David Byrne, The Weeknd, Patti Austin, Carole Bayer Sager, John Branca, Kobe Bryant, Misty Copeland e Lee Daniels
Sinopse: A história de como Michael Jackson passou de astro infantil para Rei do Pop, logo após o lançamento de um de seus primeiros e mais importantes álbuns: Off the Wall (1979). Uma análise detalhada da gravação através da montagem de raras imagens de arquivo e entrevistas daqueles que contribuíram na produção do disco e daqueles cujas vidas foram afetadas pelo enorme sucesso e pela grande qualidade da obra de Michael Jackson.

Videoclipes Musicais

Public Enemy - Fight The Power

E.U.A / 1990 / 5 minutos e 21 segundos
Direção: Spike Lee
O clipe mostra imagens da Marcha para Washington de 1963 mescladas a uma manifestação pelo fim da violência contra os negros. Trilha sonora do filme Faça a coisa certa.

Prince & The New Power Generation - Money Don't Matter 2Night
E.U.A / 1992 / 5 minutos e 12 segundos
Direção: Spike Lee
Este clipe para a música de Prince não foi muito veiculado pela MTV por seu forte conteúdo político. Ele mostra, em imagens em preto e branco, uma família tentando sobreviver mesclada a imagens da Grande Depressão dos anos 30 e pobreza e desemprego dos anos 80 e 90.

Michael Jackson - They Don't Care About Us
E.U.A / 1996 / 4 minutos e 41 segundos
Direção: Spike Lee
Duas versões foram feitas para esse vídeo de Michael Jackson: uma gravada no Brasil, no Pelourinho, com a participação do grupo Olodum em Salvador e com imagens captadas também no Rio de Janeiro, no morro Santa Marta. Uma segunda versão foi feita em uma prisão americana.

Eminem - Headlights
E.U.A / 2013 / 4 minutos e 10 segundos
Direção: Spike Lee
O clipe conta a turbulenta história entre o rapper Eminem e sua mãe através dos olhos dela.

Programação São Paulo

1º Semana

Quarta, 07 de novembro
16h30 – Irmãos de sangue (1995 / 129 min / Digital) Sessão gratuita

19h – Todos a bordo (1996 / 120 min / Digital)
Quinta, 08 de novembro
17h – Ela quer tudo (1986 / 90 min / Digital) Sessão gratuita

19h – Joe's Bed-Stuy Barbershop: We Cut Heads (1983 / 60 min / Digital) Sessão gratuita
Sexta, 09 de novembro
16h15 – Elas me odeiam, mas me querem (2004 / 138 min / Digital) Sessão gratuita

19h – Jogada decisiva (1998 / 136 min / Digital)
Sábado, 10 de novembro
16h30 – Faça a coisa certa (1989 / 120 min / Digital) + Public Enemy - Fight The Power (1990 / 5 min / Digital) Sessão gratuita

19h – Irmãos de sangue (1995 / 129 min / Digital) + Prince & The New Power Generation - Money Don't Matter 2Night (1992 / 5 min / Digital) Sessão gratuita
Domingo, 11 de novembro
14h30 – O verão de Sam (1999 / 142 min / Digital) Sessão gratuita

17h15 – O plano perfeito (2006 / 130 min / Digital) Sessão gratuita
Segunda, 12 de novembro
16h – The Original Kings of Comedy (2000 / 115 min / Digital) + Eminem – Headlights (2013 / 5 min / Digital) Sessão gratuita

18h30 – Milagre em Santa Anna (2008 / 156 min / Digital) Sessão gratuita

2º Semana

Quarta, 14 de novembro
14h – Faça a coisa certa (1989 / 120 min / Digital)  Sessão Inclusiva - audiodescrição + legendagem + LIBRAS. Sessão gratuita

16h30 – Kobe Doin' Work (2009 / 84 min / Digital)

18h30 – Jogada decisiva (1998 / 136 min / Digital)
Quinta, 15 de novembro
16h – Elas me odeiam, mas me querem (2004 / 138 min / Digital) Sessão gratuita

19h – Crooklyn - Uma família de pernas pro ar (1994 / 115 min / Digital) Sessão gratuita
Sexta, 16 de novembro
17h – Garota 6 (1996 / 100 min / Digital) Sessão gratuita

19h – Verão em Red Hook (2012 / 131 min / Digital)
Sábado, 17 de novembro
17h30 – Joe's Bed-Stuy Barbershop: We Cut Heads (1983 / 60 min / Digital) Sessão gratuita

19h – O plano perfeito (2006 / 130 min / Digital) Sessão gratuita
Domingo 18 de novembro
15h30 – Michael Jackson's Journey from Motown to Off the Wall (2016 / 110 min / Digital) + Michael Jackson - They Don't Care About Us (1996 / 5 min / Digital)

18h – Oldboy – Dias de vingança (2013 / 104 min / Digital)
Segunda 19 de novembro
15h30 – A hora do show (2000 / 135 min / Digital)

18h30 – Milagre em Santa Anna (2008 / 156 min / Digital) Sessão gratuita

3º Semana

Quarta, 21 de novembro
16h15 – A hora do show (2000 / 135 min / Digital)

19h – The Original Kings of Comedy (2000 / 115 min / Digital) + Eminem – Headlights (2013 / 5 min / Digital) Sessão gratuita

Quinta 22, de novembro
16h30 – Faça a coisa certa (1989 / 120 min / Digital) + Public Enemy - Fight The Power (1990 / 5 min / Digital) Sessão gratuita

19h – DEBATE com Jaiê Saavedra, Bruno Galindo e Kênia Freitas
Sexta 23, de novembro
16h – Kobe Doin' Work (2009 / 84 min / Digital)

18h – Malcolm X (1992 / 202 min / 35mm)
Sábado 24, de novembro
16h – Curso com Bruno Galindo

18h30 – A última noite (2002 / 134 min / 35mm)
Domingo, 25 de novembro
13h15 – A última noite (2002 / 134 min / 35mm)

16h – Malcolm X (1992 / 202 min / 35mm)
Segunda, 26 de novembro
16h30 – Lute pela coisa certa (1988 / 120 min / Digital) Sessão gratuita

19h – Verão em Red Hook (2012 / 131 min / Digital)

4º Semana

Quarta, 28 de novembro
17h – Garota 6 (1996 / 100 min / Digital) Sessão gratuita

19h – Lute pela coisa certa (1988 / 120 min / Digital) Sessão gratuita

Quinta, 29 de novembro
17h – Crooklyn - Uma família de pernas pro ar (1994 / 115 min / Digital) Sessão gratuita

19h30 – Ela quer tudo (1986 / 90 min / Digital) + Prince & The New Power Generation - Money Don't Matter 2Night (1992 / 5 min / Digital) Sessão gratuita
Sexta, 30 de novembro
16h – O verão de Sam (1999 / 142 min / Digital) Sessão gratuita

19h – Mais e melhores blues (1990 / 130 min / 35mm)
Sábado, 1 de dezembro
16h45 – Oldboy – Dias de vingança (2013 / 104 min / Digital)

19h – Febre da selva (1991 / 121 min / 35mm)
Domingo, 2 de dezembro
15h – Mais e melhores blues (1990 / 130 min / 35mm)

17h30 – Febre da selva (1991 / 121 min / 35mm)
Segunda, 3 de dezembro
16h30 – Michael Jackson's Journey from Motown to Off the Wall (2016 / 110 min / Digital) + Michael Jackson - They Don't Care About Us (1996 / 5 min / Digital)

19h – Todos a bordo (1996 / 120 min / Digital)  

SERVIÇO

Mostra “Acorde! O Cinema de Spike Lee”
Patrocínio: Banco do Brasil
Curadoria: Jaiê Saavedra

Produção: Júlio Bezerra
Realização: Centro Cultural Banco do Brasil

Data: 07 de novembro a 03 de dezembro de 2018
Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00 (meia entrada)

Horários e classificação indicativa disponíveis no site:
http://culturabancodobrasil.com.br/portal/sao-paulo/

Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo
Rua Álvares Penteado, 112 – Centro, São Paulo -SP
(Acesso ao calçadão pela estação São Bento do Metrô)
(11) 3113-3651/3652 | Quarta a segunda, das 9h às 21h
ccbbsp@bb.com.br  | bb.com.br/cultura  | twitter.com/ccbb_sp  |
facebook.com/ccbbsp | instagram.com/ccbbsp
Acesso e facilidades para pessoas com deficiência | Ar-condicionado | Cafeteria e Restaurante | Loja

Estacionamento conveniado: Estapar - Rua Santo Amaro, 272 (R$ 15, necessário validar ticket na bilheteria). Traslado entre o estacionamento e o CCBB das 14h às 23h.